domingo, 1 de dezembro de 2013

desabafo.

uma saudade que dói.

poxa, fedo, sinto tanto a falta do seu abraço. 
é difícil, por te conhecer há tanto tempo, você não era só meu namorado. era meu amigo. era como se fosse parte da minha família. era meu irmão.

eu não sei nem mais se o que eu sou agora é o que eu era antes. você ainda me amaria? é difícil crescer sem você. a parte mais difícil, pra mim, quando chega o fim de ano é que fim de ano sempre foi "avenida de Lucélia", no feirão, com a galerinha gente boa. Apesar de há anos não ser mais assim, fim de ano sempre foi isso... era te encontrar naquela esquina e dizer (mesmo que depois cada um seguia o seu rumo): FELIZ ANO NOVO, GIO! TUDO DE BOM PRA VOCÊ, DE CORAÇÃO...

a dor é igual de 12 de outubro.

2 comentários:

LOURDES LZ disse...

♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

Stephanie Nunes disse...

Boa noite, acompanho sua dor a algum tempo, e me emociona muito, e as vezes me faz chorar de tão lindo, delicado, forte e acima de tudo verdadeiro seu amor é.
Estava ouvindo música hoje e lembrei de você ao ouvir "Quase uma linda história de amor - Jay Vaquer"
Espero que possa fazer você feliz por algum momento, e que as lembranças do não veio a ser a façam sorrir e sentir aquela sensação maravilhosa dos momentos simples planejando o futuro.
Com meu respeito e carinho ao amor da menina e do rapaz!
Obrigada

ps.: desculpe algumas fotos do vídeo, foi o único que achei com legendas. =/
http://www.youtube.com/watch?v=ThVq-Hed3H4